in

11 coisas que você só descobre depois dos 20 anos

Ter 20 anos é certamente uma idade completamente contraditória, pois você deixa de ser um adolescente, porém ainda é jovem demais para ser considerado um adulto. É aquela fase que você precisa tomar suas próprias decisões, aquelas consideradas as mais importantes de sua vida, que vão decidir como você viverá nas próximas décadas de vivencia.

E mesmo assim, insistimos em nos preocupar com qual lanchonete vamos passar depois da balada ou qual dos rolês vamos escolher para curtir o final de semana. É nessa fase considerada tão crucial dos 20 anos e poucos anos que descobrimos coisas inacreditáveis sobre a vida e sobre nossa própria personalidade.

Pensando nisso, reunimos os melhores e mais comuns acontecimentos que surgem na vida de  pessoas que estão na fase dos 20 e poucos anos, acompanhe:

Você certamente já está cursando a faculdade, o que torna muito tarde para decidir fazer outra coisa, ou muito cedo para finalmente determinar em qual ramo vai atuar pelo resto da vida.

Qualquer relacionamento que pareça ser firme ganha extrema importância, talvez seja pelos questionamentos e cobranças envolvendo a sua vida amorosa, principalmente daquela tia afirmando que você já está na “idade de se casar”.

Se você está vivendo na solteirice, simplesmente sente aquela vontade imensa de estar ao lado de alguém, desejando deixar de lado as baladas e curtições, dando espaço para uma cama de casal em seu quarto.

Você começa a notar que seu corpo não aguenta mais curtir noites e noites de balada e bebedeira, igual quando você tinha 18 anos. A resseca chega acabando com o seu dia, fazendo você enxergar que isso não pertence mais a você.

Você também descobre que aquele desenho animado que você assistia na infância, passa importantes lições de moral e mensagens que pode ser muito útil na nossa vida de adulto.

Aos 20 e poucos anos também notamos que a única prioridade que devemos ter na vida é combinar faculdade + estágio + trabalho. O que faz com que não sentimos vontade de viver durante a semana.  

Sabe aquele conselho de “ganhar a vida fazendo o que amamos”, infelizmente é algo raro de se conseguir, tornando totalmente  diferente do que sempre sonhamos em levar o resto da vida.

Você infelizmente descobre que não vai mais ter o bolso dos seus pais para te socorrer em momentos de apertos financeiros, o que lhe torna uma pessoa financeiramente responsável.  

Também nota que se tornou velho demais para fazer ou escolher algumas coisas.

Sentir aquele medinho de ver que os 30 anos já está se aproximando, e você ainda não conseguiu decidir a sua vida.

Você certamente vai ter que se preocupar em guardar dinheiro, ter as suas coisas, investir em algo rendável – junto com a vontade incontrolável de comprar tudo que vê pela frente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

18 coisinhas que precisam ser higienizadas, mas que nós não damos tanta atenção

Tenha agora mesmo o cartão AcessoCard para negativados!